Star trek 50 anos: Onde nenhuma festa jamais esteve

Convite do evento no Facebook

Quase um ano depois publico o evento mais nerd que já patrocinei.  Minha festa de 50 anos e de Star Trek.  Sim foram duas festas em um, meus 50 anos e 50 anos de Star Trek. Não contado da data de estreia claro,  mas como a 1ª temporada passou entre 1966 e 67 está valendo.

Basicamente  realizei a festa pelo desafio,  minha esposa queria um festa e eu só faria se fosse temática Nerd. Aceito o desafio e  definido o tema foram 3 meses de pura correria.  Não existe nada comercial de Star-Trek aqui no Brasil Somente alguns itens customizados por fãs no ML e na China e sabe,  confiar em encomendas com menos de 3 meses de prazo é loucura.

A ideia básica colocar a festa toda dentro da nave, mas com as limitações de orçamentos e tempo curto mantive o básico, eliminando o cenário da sala de transporte e mantendo alguns ‘props’ da ponte e do transporte e a tela da ponte, onde parte  da ação passava.

Comvite 50 anos de StarTrek

Para iniciar o convite tinha um QrCode que dava acesso ao Hotsite  com o vídeo do convite para os familiares e amigos se situar na ação e mais importante! Não confundir Star Trek com Star Wars, vai que alguém resolvesse aparecer de Jedi!

Uniformes

Com uma festa temática o uniforme do aniversariante.  Capitão Max e da oficial de Ciências Lt. Deise era ponto fundamental  e como não tive acesso ao replicador da Enterprise. Tivemos que correr atrás de modelos e costureiras. Localizar os modelos e corte básico foi tarefa da filha trekkie Mary (filha nº2). Costureira outro desafio, muitas recusas e com o final de 2016 se aproximando. Acabei salvo pela Dilma. Ótima costureira que me passou a segunda parte da guest: Achar os tecidos e nas cores corretas.

O tecido na cor mostarda para  meu uniforme exigiu uma ligeira adaptação já que o único na cor e tecido correto tinha uma padrão em relevo que ficou imperceptível nas fotos. O vestido da Lt. Deise ficou azul e com manga curta, mais adaptado às regiões tropicais dos planetas classe M. As provas das roupas foi uma semana antes da festa. Para os outros três tripulantes foram customizadas camisetas lisas vermelhas e azul, aonde foram substituídas as golas e colocados emblemas.

Vídeo convite, feito inteiramente no kdenlive.

A maior doideira foi fazer peças do cenário o balcão customizado as onde navegadores manejam os vídeos e o áudio nos PCs e mesa de som. Que era exibido na tv logo à frente. Tudo para dar a ideia da ponte da nave, vista pelo capitão e pelos convidados. Do outro lado próximo a parede. O painel de tele transporte. Feito do zero, todo em MDF e sonorizado com Arduino.

Painel de teleporte vermelho, com botoes e controle delizante e painel circular rotativo
Estação de teleporte pronta e operacional

O  projeto inicial usaria um segundo Arduino para controlar as luzes da sala de teleporte através da interface DMX. Como já tinha mencionado a falta de tempo, recursos tecnológico, logísticos, bugs na interface DMX e recursos cenográficos limitados ficou de fora está parte. Somente os efeitos sonoros do painel de teleporte e as luzes do alerta vermelho foram mantidas com controle remoto.

Roteiro da festa idealizado

Através de uma frequência sub espacial envie o convite da festa para o Capitão Kirk que gentilmente nos cedeu uma nave  enquanto ele e a tripulação principal fazia um cruzeiro no Caribe  (link)

Enquanto os convidados chegavam e eram atendidos e entretidos pela tripulação com destaque para  Alferes Gustavo cantando.

No monitor da ponte exibia imagens do planeta  terra vista do espaço já que a nave estava em órbita.

Tudo corria bem até que fomos chamados abordo na nave.  Porem por um erro técnico fomos teletransportados para  dentro da cozinha, o que explica o fato de ter chegado tomando uma cerveja,  seguido orientações, para aliviar o desconforto dos primeiros teleportes. Como não ia pilotar a nave estava liberado.

Depois um breve pronunciamento, a exibição do filme

“Star Trek 50 anos: Onde nenhuma festa jamais esteve.”

Muita musica e comes e bebes, Nossa nave recebe um chamado:

 

 

O capitão rapidamente percebeu que o bolo já estava na festa e aciona o alerta vermelho, seguindo as instruções do Almirante Kirk  ele ordena  a destruição da nave Disfarçada.

Uma estranha nave que tinha o formato de  um bolo.

Roda de amigos colorindo as imagens de Star Trek
Atividade de colorir para as crianças grandes, Tema de StarTrek
Painel de controle da festa, aonde estavam a mesa de som e pcs com os videos.
Lt. Rodolfo assume o leme da festa

Após a festa seque a o rumo normal  com musica e atividades lúdicas para a se pouco a pouco seus convidados vai pegando suas naves e retornado

E eu a tripulação devolver a nave limpa e sem nenhum arranhão. Pouco tempo depois recebi uma mensagem sub espacial perguntando  sobre uns pedaços de cobertura de bolo do lado de fora da nave….

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *